Criciúma é derrotado para a Chapecoense

Tigre perdeu por 1 a 0 com gol contra de Sueliton

Por Redação 07/03/2018 - 23:42 hs

Criciúma é derrotado para a Chapecoense
Foto: Divulgação / Chapecoense

O Criciúma foi derrotado por 1 a 0 para a Chapecoense na noite desta quarta-feira (7), na Arena Condá, em Chapecó. O gol da partida foi marcado contra pelo lateral-direito Sueliton.

1º tempo

A etapa inicial de jogo foi com a Chapecoense trocando passes no meio-campo e buscando o gol do goleiro Luiz, porém, a defesa do Criciúma bem postada não deixou com que os donos da casa agredissem o arqueiro carvoeiro. Enquanto os visitantes não conseguiam se entender e erravam muitos passes.

O primeiro chute ao gol foi dos donos da casa. Aos 22, Guilherme recebeu, tirou do marcador e arriscou de perna direita na meta de Luiz, mas o goleiro faz a defesa. 

A primeira substituição do Tigre veio ainda no primeiro tempo. Deixou o confronto Maílson lesionado e entrou Caio.

Gol da Chape! Aos 30, após cobrança de escanteio de Guilherme, o lateral-direito Sueliton se atrapalhou e mandou para o próprio gol. No lance seguinte, o Verdão do Oeste quase ampliou. Guilherme novamente cobrou tiro de canto, e Nery Bareiro subiu mais alto que a defesa e cabeceou, a bola passou perto da trave direita de Luiz.

Aos 37, o Criciúma teve uma boa oportunidade com Douglas Moreira. Após cobrança de falta de Elvis a zaga afastou e no rebote o volante carvoeiro arriscou um chute, porém, a bola saiu pela linha de fundo.

2º tempo

O segundo tempo iniciou diferente, isso porque o Criciúma buscou e pressionou mais a Chapecoense, porém, a forte marcação dos donos da casa no meio-campo impediu o tricolor de chegar ao ataque. O Tigre esteve mais tempo com a bola, mas, sem êxito nas jogadas.

O time carvoeiro tentou com João Paulo. O atacante aos 10 minutos, arriscou um chute de fora da área, mas a bola ficou na marcação. No lance seguinte, Guilherme respondeu para a Chapecoense. O atacante entrou na área e chutou na meta de Luiz, mas a bola saiu pela linha de fundo.

Aos 25, a melhor chance da etapa final. Guilherme faz linda jogada pela esquerda, driblou Andrew e avançou com a bola e tocou na metida para Wellington Paulista que chegou chutando, entretanto, sem sucesso.

A segunda substituição do Criciúma veio aos 37 minutos. Elvis foi substituído por Alex Maranhão.

Milagre! Jandrei fez uma incrível defesa no cabeceio de Lucas Coelho. O atacante subiu sozinho e cabeceou, mas o arqueiro do Verdão se saiu melhor na jogada.

O próximo compromisso do Criciúma é diante do seu torcedor no estádio Heriberto Hülse contra o Atlético Tubarão, no domingo (11), às 20h. A partida é válida pela 13ª rodada do Campeonato Catarinense.